segunda-feira, 14 de julho de 2014

ALPIARÇA PELOS CAMINHOS DO RIBATEJO+++++MAIS UMA VEZ EM PRIMEIRO PLANO AS CEGONHAS, SENHORAS ABSOLUTAS DESTA CASA SENHORIAL, ONDE RESTA A DEGRADAÇÃO VISÍVEL OFUSCANDO A SUA ANTIGA BELEZA +++++ UMA PLACA DE VENDA DE ALGUMA IMOBILIÁRIA!!!

QUANTOS SONHOS, BELEZAS E RIQUEZAS PASSARAM PELO INTERIOR DESTA BELA MORADIA SENHORIAL, FICARAM NO TEMPO NOS SÉCULOS QUE DEIXARAM MARCAS, E VÃO LEVANDO O QUE RESTA POUCO A POUCO.
HOJE CREIO SER ÚNICA ABITANTE A CEGONHA, REQUINTADAMENTE INSTALADA NA SUA CHAMINÉ!!!

AQUI MESMO AO LADO OUTRO PALÁCIO EM DEGRADAÇÃO, UMA DAS SUAS ÚLTIMAS FUNÇÕES ERA DA INSTALAÇÃO DA BIBLIOTECA DA VILA, E AINDA ONDE PERMANECIA A G.N.R. AQUARTELADA SE ASSIM SE PODERIA CHAMAR, EM TEMPOS RECENTES.

MESMO EM FRENTE, DECERTO MAIS RECENTE, ESTE LINDO PALACETE QUE VISTO AO PORMENOR ATÉ TEM  NA SUA FRONTARIA UMA COROA REAL, DESCENDÊNCIA REAL  OU NÃO MERECE DESTAQUE.
E TUDO ISTO FOTOGRAFADO DE DENTRO DO MEU CARRO ESTACIONADO APRESSADAMENTE, PARA TOMAR UM CAFÉ.

MEU TEJO

Margem direita do Tejo
Te percorro, te revejo
Te subo, em contra corrente
Te penetro, Ribatejo
Margem direita do Tejo
De onde tenho estado
Ausente,
Mas sempre de amor
Constante,
Onde o meu coração sente,
Um sentimento de amante.

Margem direita do Tejo
Perto da foz,
Te percorro, em ti, deslizo,
Te desventro,
E com amor, te sussurro,
Palavras
Inspiração de momento.

POEMA DE LÍDIA FRADE

 
JÁ DE VOLTA PARA A MINHA ALDEIA, NÃO PAREI NO PARQUE DAS MERENDAS NA SAÍDA DE ALPIARÇA, PORQUE O TEMPO NÃO DAVA, NÃO FOTOGRAFEI PORQUE IA A CONDUZIR E TEM CURVAS MERECENDO MAIS ATENÇÃO, MAS VI QUE ESTAVA LINDAMENTE ARRANJADO, E COM PLACAS INFORMATIVAS DA VENDA DE FRUTAS, COM MUITA PENA AVANCEI!!!
MUITOS DESTES TERRENOS CULTURAS VINHEDOS PELAS MARGENS DO TEJO PERTENCEM ÁS GRANDES CASAS AGRÍCOLAS DE ALPIARÇA!!!

PASSEI O RIO TEJO, SUBO AGORA PARA SANTARÉM, ÚNICO CAMINHO LIVRE DE REGRESSO Á MINHA ALDEIA, ATALAIA DE ALMOSTER!!! 

NA PARAGEM DO TRANSITO, JÁ ESTOU EM SANTARÉM, E FOTOGRAFEI A VISTA PARCIAL DA IGREJA DE NOSSA SENHORA DA PIEDADE, MAIS UM POUCO DA SÉ PATRIARCAL DE SANTARÉM!!! 

VOLTEI HOJE A SANTARÉM TRATAR DE BUROCRACIAS, CONTUDO ANDO SEMPRE DE MAQUINA FOTOGRÁFICA E COM  MAIS UNS CLICS CÁ FICAM MAIS DUAS,DO MESMO LOCAL COM A VISTA PARCIAL DO SEMINÁRIO DE SANTARÉM.
 AINDA DO MESMO RECANTO QUE FLORIDA E LINDA ESTÁ ESTA VARANDA DE VIVENDA ANTIGA!!!
NOUTROS TEMPOS TINHA POR AQUI COMERCIO, HOJE NÃO Á NADA, TUDO VAZIO, APENAS COM BOM ASPETO, RESTA ESTE JARDIM!!!


PELOS CAMINHOS DO RIBATEJO, POEMA E IMAGENS DE LÍDIA FRADE

3 comentários:

  1. Poema e fotos lindas! Beleza! beijos,tuuuuuuudo de bom,chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. OBRIGADO CHICA
      PARA A MINHA AMIGA TUDO DE BOM IGUALMENTE, COM 1 BEIJINHO E AGRADECIMENTO PELA VISITA COMENTADA!!!
      LÍDIA

      Eliminar
  2. Grande post, com fotografias belissímas e palavras a condizer.
    Beijo

    ResponderEliminar